Todos os horários
MIL DIAS

Projetado por Niemeyer, o Catetinho foi a primeira sede de governo em Brasília

Antes mesmo de começar a ser erguida, Brasília recebeu sua primeira sede de governo: o Catetinho. Também conhecido como Palácio de Tábuas, devido a sua estrutura de madeira, o local foi utilizado pelo então presidente Juscelino Kubitschek de 1956 a 1959. O espaço, simples e funcional, foi o primeiro projeto de Oscar Niemeyer para a nova capital, sendo a única edificação feita toda em madeira projetada pelo consagrado arquiteto.

Sua origem surgiu da necessidade de um abrigo para o presidente e sua equipe no planalto central com a iminente construção de Brasília. Juscelino se instalou provisoriamente na chamada Fazenda do Gama até que um grupo de dez amigos, entre eles Niemeyer, reuniu-se às escondidas em um bar do Rio de Janeiro e teve a ideia de construir um local mais apropriado para as reuniões do presidente. O nome "Catetinho" faz alusão à então residência oficial do presidente no Rio de Janeiro, o Palácio do Catete. 

Não perca Mil Dias: A Saga da Construção de Brasília. Estreia sábado, 21 de abril, às 19h.

A construção da nova sede levou apenas 10 dias. Oficialmente, o Catetinho era chamado de residência presidencial, mas, Juscelino não chegou a morar no local. Apenas pernoitava quando era necessário acompanhar o andamento da construção da cidade. Ali, JK chegou a receber autoridades internacionais, como a Rainha Elizabeth II, da Inglaterra.

A relevância histórica fez com que palácio fosse rapidamente tombado. Ainda no dia da inauguração, em 10 de novembro de 1956, JK entregou o palácio aos cuidados da Diretoria do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (DPHAN). Três anos depois, em julho de 1959, a construção foi definitivamente tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Em 1970 o Catetinho foi transformado em museu e desde então está aberto à visitação pública.

Fonte: Agência Brasil

Imagem: José Cruz/Agência Brasil