Todos os horários
planetas

Astrofísico explica qual planeta do sistema solar é o mais inóspito e por quanto tempo sobreviveríamos em cada um deles

Explorar outros planetas e até viver em outro mundo são sonhos perseguidos pela humanidade, mas que, por enquanto, fazem parte apenas da ficção científica. Enquanto este desejo ainda está longe de ser realizado, astrofísico Neil deGrasse Tyson tratou de explicar porque a vida humana em outros planetas seria completamente impossível. Confira abaixo quando tempo sobreviveríamos em outros mundos, longe de nossa querida Terra:

Mercúrio

O planeta mais próximo do Sol é quente demais para nós em sua face voltada para o astro. O lado oposto, no entanto, não é tão ruim assim, porém, é impossível respirar no planeta. Desta maneira, o tempo de vida de um humano por ali seria de dois minutos.

 

Vênus

O planeta que recebeu o nome da deusa do amor e da beleza não oferece nenhum ambiente afável ou bonito para nós. Com temperatura aproximada de 500°C, é impossível pensar em vida como a nossa por ali.

 

Marte

Certamente é o primeiro planeta que vem à mente quando pensamos em uma “colonização” espacial. Apesar de frio, a temperatura não seria um problema tão grave já que sua atmosfera não é espessa como a da Terra. Contudo, ali é impossível respirar e, desta maneira, a sobrevida seria de, aproximadamente, 2 minutos.

 

Júpiter

A vida humana duraria menos de um segundo por conta da diferença de pressão. Este gigante gasoso é o maior planeta do Sistema Solar, tanto em diâmetro como em massa e é o quinto mais próximo do Sol. Caso alguém conseguisse descer por ali, ficaria preso em um tornado de gases e pedras.

 

Saturno

As condições extremamente hostis à vida humana que ocorrem em Júpiter podem ser aplicada a Saturno. O planeta gasoso possui uma grande diferença de pressão e nós duraríamos menos de 1 segundo.

 

Urano e Netuno

A vida humana seria impossível nestes dois planetas por conta das degradantes temperaturas. Urano possui a mais fria atmosfera planetária no Sistema Solar, com temperatura mínima–224 °C. Já Netuno, planeta mais afastado do Sol desde o “rebaixamento” de Plutão a planeta-anão, tem temperatura superficial média é de -218 °C.

Fonte:
 
 
Imagem: NASA/Ames/JPL-Caltech [Public domain], via Wikimedia Commons